quinta-feira, 14 de agosto de 2008

UM PACTO



De vez em quando, como agora, me acaba a tinta da inspiração, e eu não consigo escrever nada que preste. As idéias me vêm à cabeça em bandos e vão embora, feito as andorinhas que sentam no fio de luz e logo esvoaçam, não deixando nem rastro para trás. Eu entro em pânico.
Sei que do outro lado está o público, ansioso, querendo ler qualquer coisa: um conto, uma estorinha, um poema, uma anedota. Uma receita culinária que seja, mas, por favor, que não seja deixado sem nada para ler, que o público merece.
Eu te amo, leitor! No duro. De paixão. Só que... Se vamos ser cúmplices nessa tal de blogosfera - verdadeiro striptease cultural - é preciso que estabeleçamos critérios. Eu não cobro nada de você, senão fidelidade, e vice-versa.
Haverá dias (muitos!) em que o máximo que extrairei de você será um sorriso, uma sinapse, um muxoxinho. Ou nem isso.
Em contrapartida, haverá ocasiões (muitas!) em que isso aqui ficará às moscas. Ou por falta de inspiração, ou por falta de assunto, ou por falta de capacidade, mas nunca, jamais!!! por falta de vontade. É que não consegui mesmo...
Você, leitor amado, vai ser fiel e sair de fininho, fechando a porta de mansinho. E voltará, eu sei que voltará. Porque, afinal de contas, temos um pacto. Certo?

Foto: "Andorinhas" - UPFC Colmeal

12 comentários:

João Eduardo Q. C. disse...

Entendi vossa mensagem, amada mestra. :D

Mas tente relevar os "strip-teases culturais" de quem sofre de "normose", assim como eu sofro.

Um ótimo fim-de-semana!

Bjs,

João

Mauro Castro disse...

Tudo bem, Dalvinha querida, eu juro que volto.
Há braços!!

João Eduardo Q. C. disse...

"Mãe Trazidivolta Pramim" é o nome dela. É uma babalorixá vegana. Sim, vegana, e daquelas personagens oriundas do meu imaginário. (Rs) Encomendar um despacho pra ela é econômico, pois como já disse, ela não sacrifica animais para os mesmos (o Greenpeace agradece) e toda a profusão de especiarias, leguminosos, folhosos e frutosos para o ebó ela adquire numa xêpa dominical. Não é o máximo isso?! Uma verdadeira macumba ambientalista. (Rs)

Semana começando... Segura a onda aí minha amiga!

Beijos,

João Eduardo

Camila* disse...

Simmm nós voltaremos !! :)

João Eduardo Q. C. disse...

Adorei o vídeo de morphing dos atores! :D

Que sábado nebuloso, né? Tá bom mesmo é pra edredon + vários e vários sacos de salgadinhos. Mas ficarei só com os dvds mesmo... Dieta é calvário, como diz a Dra. Lorca. :D

Beijos estalados nas suas bochechas rosadas,

João Eduardo

missosso disse...

Sim, temos um pacto: vc escreve, e nós nos deleitamos; gostei da blogosfera entendida como "streap tease cultural" -- mostra mais, tira mais um pouco!

Raquel disse...

Oi, Dalva! Tô visitando teu blog pela primeira vez, e adorei! Este post transmite perfeitamente o que sinto quando também não me inspiro para escrever meus divagues...

Um abraço!

Raquel disse...

Em tempo: voltarei sim, com certeza!

Plinio Nunes disse...

É claro que eu volto.

Concha disse...

Não sei como cá cheguei,adorei,o que li, e prometo voltar. Parabéns!

ADIEMUS disse...

Ao ninho SEMPRE voltarei, Dersu!

Janaina Amado disse...

Temos um pacto, sim, Dalva! Além disso, a maioria de nós é blogueiro também, e sente exatamente a mesma coisa que você, muitas vezes. Beijo!